Fotos e Vídeos

Autopista promove Workshop de Turismo e Desenvolvimento Regional

A parceria com a concessionária do Grupo Arterisdivulga Lages e a Serra catarinense em seu encarte oficial para viajantes e soma forças para colocar a cidade em destaque

Buscar o desenvolvimento econômico das regiões através do turismo.Essefoi o objetivo do 1º Workshop de Turismo e Desenvolvimento Regional promovido pela Autopista Planalto Sul, concessionária do Grupo Arteris.Durante toda a manhã de segunda-feira (8), representantes dos municípios de Mafra, Rio Negro, Campo do Tenente, Mandirituba, Itaiópolis, Santa Cecília, São Cristóvão do Sul, Porto União, Canoinhas, Major Vieira, Ponte Alta do Norte e Lages reuniram-se com representantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), além do presidente da Santur, Valdir Walendowsky.

O diretor superintendente da concessionária, Cesar Sass, abriu o evento e apresentou dados operacionais da Planalto Sul, campanhas sociais, investimentos, repasse de ISS, obras, além da estrutura que pode ser utilizada para divulgação como nas praças de pedágio, painéis na rodovia, totens de autoatendimento e bases operacionais. Ele destacou a importância da rodovia como eixo estratégico para o desenvolvimento das regiões onde a concessionária atua. “Nossos municípios possuem belezas naturais que propiciam o turismo rural e isso é algo que ainda é pouco explorado, e que os moradores de grandes centros urbanos buscam”, afirma.

Para o secretário de Turismo, Flávio Agustini, é preciso fomentar o setor de todas as formas. A parceria com a Autopista divulga Lages e a Serra catarinense em seu encarte oficial para viajantes e soma forças para colocar a cidade em destaque. “O trabalho conjunto existe e muitos frutos podem ser colhidos dessa parceria”, afirma.Opresidente da Santur, Valdir Walendowsky, ressaltou a importância do turismo como gerador de emprego e renda.

Falando em números do setor, destacou que 90% do fluxo turístico é rodoviário. “Os países dos Mercosul gostam de andar de ônibus e carro em suas viagens”, aponta.Pesquisarealizada pelo órgão aponta que a tendência para o turismo são os parques, tanto de entretenimento quanto os ecológicos. Foram expostos cases como da Alemanha, onde locais cênicos se tornam pontos turísticos, com o turismo contemplativo que busca por cenários e paisagens.“Precisamos explorar as originalidades das nossas regiões”, diz ele ao citar o exemplo do município deItaiópolis com características dos imigrantes poloneses.